terça-feira, 29 de maio de 2012

Louca por compras e a irmã (Shopaholic & sister)

Autora: Sophie Kinsella
Editora: Livros d`Hoje
Ano: 2009

Sinopse
"Becky pensou que estar casada com Luke Brandon seria como uma grande "caixa de felicidade" comprada na Tiffany. Mas, na verdade, nem tudo era tão maravilhoso como ela imaginava.
Os problemas começaram na lua-de-mel quando Becky contou a Luke uma minúscula mentira sobre uma pequeníssima compra que tinha feito. Agora tem um orçamento restrito, não tem emprego e, pior ainda, a sua adorada Suze tem uma nova amiga. Depois recebe uma notícia surpreeendente: tem uma irmã!
Becky ficou mais excitada que nunca. Finalmente, uma irmã de verdade!
Imaginava que deviam ter imensa coisa em comum! Podiam ir juntas às compras... Escolher sapatos as duas... Ir à manicura juntas...
Até que a conhece e leva o maior choque da sua vida.
Não pode ser verdade! É impossível que a irmã de Becky Bloomwood não goste de ... ir às compras!"

Impressões
Este livro é ainda mais divertido do que o primeiro, se é que isso é possível. Becky não tem mesmo emenda e, aconteça o que acontecer, o apelo de uma mala novinha em folha ou de uns sapatos de uma marca caríssima, é sempre irresistível! Juntando a tudo isto, uma irmã que, apesar de não ser "louca por compras", tem também as suas manias, obtemos momentos de pura comédia.
Ideal para esquecer a "bruxa crisis".

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Uma rapariga dos anos 20 (Twenties girl)

Autora: Sophie Kinsella
Editora: Livros D`Hoje
Ano: 2009

Sinopse:
"Lara sempre teve uma imaginação muito fértil, mas agora, questiona-se se não estará a ficar louca. As raparigas normais de vinte anos simplesmente não vêem fantasmas! Inexplicavelmente, o espírito da sua tia-avó Sadie - sob a forma de uma rapariga ousada, exigente e dançarina de Charleston - apareceu-lhe para fazer um último pedido: Lara deve encontrar um colar que se encontra desaparecido para que Sadie possa descansar em paz.
   Lara já tem problemas que cheguem na sua vida. A sua nova empresa está em declínio, o seu melhor amigo e parceiro de negócios fugiu para Goa e acaba de ser abandonada pelo amor da sua vida.
    Mas à medida que Lara passa tempo com Sadie, a vida torna-se mais fascinante e a caça ao tesouro transforma-se em algo intrigante e romântico. Poderia o fantasma de Sadie ser a resposta para os problemas de Lara? Poderiam duas raparigas de épocas diferentes aprender algo especial uma com a outra?"

Impressões:
Este livro apareceu na minha vida numa altura em que precisava, desesperadamente, de dar umas boas gargalhadas. E, não é que resultou? O encontro entre estas duas raparigas, com formas de pensar tão diferentes, proporciona situações verdadeiramente hilariantes... para mais, sendo uma delas um fantasma!  Recomendo!

"Doida por livros" também adora artesanato!

Para confeccionar bonitas peças de artesanato, é necessário ter materiais fofinhos. Assim, que tal participar neste sorteio, com muuuuuuita esperança de ganhar este lindo conjunto?

domingo, 27 de maio de 2012

"Doida por livros" também adora artesanato!

http://algodaodocebiscuit.blogspot.pt/
Eheh! Gosto muito de artesanato, pois gosto! A possibilidade de oferecer/receber uma peça única, personalizada, faz-nos sentir especiais! É como escolher o livro adequado, para oferecer a alguém numa determinada ocasião... além do produto final, há todo o tempo e esforço que foram investidos nessa demanda...isso mostra que nós contamos!

sábado, 26 de maio de 2012

A rainha dos gelados (The empress of ice cream)

"O gelo acabaria por deixar o seu coração, mas ficaria para sempre no meu."

Autor: Anthony Capella
Editora: ASA
Ano: 2010

Sinopse:
"1670. No palácio de Versalhes, cuja corte é a mais elegante do mundo, o jovem Carlo Demirco é famoso pela sua arte de fazer gelados. As suas técnicas trouxeram-lhe riqueza, os favores de Luís XIV e a admiração de todas as mulheres. Todas excepto a que ama: Louise, a dama de companhia de Henrietta, irmã do rei de Inglaterra. Quando Henrietta morre, Louise e Carlo são enviados para Londres como presente para o rei em sofrimento. Chegados a um país de costumes pouco refinados, cujo rei rapidamente se dispõe a seduzir Louise custe o que custar, torna-se claro para ambos que as suas únicas armas serão uma boa dose de diplomacia e quantidades extravagantes de gelo".

Impressões:
Para quem gosta de gelado, este livro é um autêntico regalo! Carlo começa por ser um aprendiz na arte de fazer "gelos" e, graças ao seu talento, torna-se num dos mais importantes mestres nesta área. Incansável na sua demanda pelo "gelo" perfeito, ele cria novos sabores e texturas. Adorei ler as descrições dos processos empregues na confeção destas maravilhas.  E tudo feito sem a logística de que dispomos atualmente! Depois de ler este livro, os gelados atuais pareceram-me muito insípidos...mas só durante umas horas!

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Louca por compras (The secret dreamworld of a shopaholic)

"Um novo emprego? Esperemos. Um novo homem? Possivelmente? 
Uma nova carteira? Absolutamente."

Autora: Sophie Kinsella
Editora: Livros D`Hoje
Ano: 2009

Sinopse:
"Quando as coisas se descontrolam- os descontrolados vão às compras.
Rebecca Bloomwood é louca por compras, está enterrada de dívidas até aos ossos e passa o tempo a tentar escapar ao seu gerente de conta. A sua única esperança é tentar ganhar mais e gastar menos. O seu único consolo é comprar alguma coisa- só mais uma coisinha..."


Impressões
Vi o filme e depois quis ler o livro. Foi o primeiro livro desta autora que li. E adorei! Ri até não poder mais. A protagonista é doida por compras, liga imenso à aparência, mas é uma pessoa generosa e de boa índole. Tem apenas um "pequeno" problema com o dinheiro, melhor dizendo, com a falta dele. Mas não se deixa abater por um "detalhe" tão insignificante. Quando é confrontada com estas situações, resolve o assunto indo...às compras, pois claro! (o sapatinho, suporte de telemóvel, é uma criação do http://www.fantasilab.blogspot.pt/).

quinta-feira, 24 de maio de 2012

A fada do lar (The undomestic godess)

"Uma belíssima comédia romântica"

Autora: Sophie Kinsella
Editora: Publicações Dom Quixote
Ano: 2009

Sinopse:

"Chamo-me Samantha. Tenho vinte e nove anos. Nunca na vida usei o forno para fazer pão. Não sei coser um botão. Sei é reestruturar contratos de financiamento de empresas e salvar os trinta milhões e libras do meu cliente. 
Samantha é uma advogada bem sucedida em londres. Trabalha o dia todo, não tem vida doméstica, e só se se preocupa em encontrar um companheiro. Habitualmente tem êxito sobre pressão e adrenalina. Até que um dia...comete um erro. E o erro é tão grave que acaba por destruir a sua carreira.
 Fica tão transtornada que ao sair do escritório, apanha o primeiro comboio que vê e, quando se apercebe, não sabe onde está. Ao pedir indicações numa grande e bonita casa é confundida com alguém que tinha sido entrevistada para o cargo de governanta e, sem mais nem menos, é-lhe oferecido o emprego. Não faziam ideia que estavam a contratar uma advogada licenciada em cambridge com um QI de 158, muito menos que Samantha não faz sequer ideia como funciona o forno. 
E o desastre acontece. O caos instala-se quando Samantha luta com a máquina de lavar... com a tábua de passar a ferro... e tenta cozinhar cordon-bleu para o jantar... Mas talvez não seja tão pouco prendada como imaginava. Será que, talvez, com alguma ajuda, consiga fingir? Será que os seus patrões alguma vez irão descobrir que a governanta é, na verdade, uma advogada de sucesso? Será que a antiga vida de Samantha voltará para a surpreender? E se o fizer....será que ela a quererá de volta? 
Esta é a história de uma rapariga que precisa de abrandar. Para pensar. Para se encontrar. Para se apaixonar. E para descobrir para que serve um ferro de engomar...."

Impressões:
Este livro é ideal para quem precisa de se alienar do quotidiano. A gargalhada é garantida. As situações em que a nossa heroína se vê envolvida são verdadeiramente hilariantes. Mostra também como as pessoas estão sufocadas com as obrigações do dia a dia, principalmente do trabalho. Fala-nos de  como as coisas poderiam ser diferentes, se tivessem sido feitas outras escolhas. 
Quem diria que ser "fada-do-lar" seria uma profissão tão fascinante? É o tipo de livro que queremos ler enquanto aguardamos a nossa vez no consultório do dentista...e depois também!

quarta-feira, 23 de maio de 2012

A sociedade literária da tarte de casca de batata (The Guernsey literary and potato peel pie society)


Autoras: Mary Ann Shaffer e Annie Barrows
Editora: SUMA de letras
Ano: 2010

Sinopse:
Londres, 1946. Depois do sucesso estrondoso do seu primeiro livro, a jovem escritora Juliet Ashton procura duas coisas: um assunto para o seu novo livro, e, embora não o admita abertamente, um homem com quem partilhar a vida e o amor pelos livros.


É com surpresa que um dia Juliet recebe uma carta de um senhor chamado Dawsey Adams,  residente na ilha britânica de Guernsey, a comunicar que tem um livro que outrora pertenceu a Juliet. 

Curiosa por natureza, Juliet começa a corresponder-se com vários habitantes da ilha. É assim que descobre que  Guernsey foi ocupada pelas tropas alemãs durante a Segunda Guerra Mundial, e que as pessoas com quem agora se  corresponde formavam um clube secreto a que davam o nome de Sociedade Literária da Tarte de Casca de Batata. O que nasceu como um mero álibi  para encobrir um inocente jantar de porco assado transformou-se num refúgio semanal, pleno de emoção e sentido, no meio de uma guerra absurda e cruel.

Fascinada pela história da dita Sociedade literária, e ainda mais pelos seus novos amigos, Juliet parte para Guernsey. 
O que encontra na ilha mudará a sua vida para sempre.


Impressões:
É um dos meus livros favoritos. Um dos melhores que li nos últimos tempos. Senti saudades da época em que escrevia cartas aos familiares e aos amigos, até mesmo a quem não conhecia pessoalmente (lembram-se dos "pen friends"?). Voltando ao livro, é através da correspondência trocada entre as várias personagens que a história vai sendo construída. E que história! De carta em carta, percebemos como é que, até mesmo num mundo tão cruel, é possível sobreviver com dignidade e graciosidade. Recomendo vivamente a leitura deste livro, o mesmo não posso dizer da tarte de casca de batata.

terça-feira, 22 de maio de 2012

A ilha das mulheres-a-dias (Die Putzfraueninsel)


Autora: Milena Moser
Editora: Círculo de Leitores
Ano: 2001

Sinopse:
Profundamente grotesco, de uma comicidade  de fazer perder o sono, uma heroína das grandes
cidades e dos dias de hoje percorre o nosso presente simultaneamentte corrupto  e probo: com
a sua astuta sabedoria adquirida entre esfregadelas e lavagens, a jovem e espevitada mulher-a
-dias desmascara as mentiras de supostas familias-modelos, faz perigar o equilíbrio de
mulheres da política, salva sogras em apuros...



Impressões:
Este livro mostra-nos, usando um tipo de humor "negro", que as "paredes" também têm ouvidos...e, pior ainda, boca para contar a terceiros o que deveria ser confidencial (ética profissional?) Nunca tive empregada doméstica e, por isso, não tenho uma experiência em primeira mão para contar. No entanto, já ouvi relatos absolutamente fabulosos, tanto das "patroas" como das "empregadas", que coincidem com as situações descritas neste livro. Não aconselhável a "patroas" demasiado sensíveis!

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Sonhos doces



 "A confeitaria artística é um doce que se cria a partir de um sonho, com q.b. de magia"
 Autora: Carina Costa
Editora: Marcador
Ano: 2012

Sinopse
Apresenta-lhe as principais receitas e as técnicas mais utilizadas para a execução de bolos fantásticos- dos mais simples aos mais complicados. Vai descobrir como projectar e preparar um bolo, que tipo de massa deve utilizar e qual a cobertura mais adequada. vai conhecer os diversos aspectos da arte decorativa- a modelagem, a colagem, a coloração, a escultura e a montagem de andares- e também os materiais e equipamentos necessários à sua execução.

Impressões:
Sou doida por livros! Sou doida por doces! Sou mesmo muito gulosa! Embora as minhas preferências vão para os bolinhos caseiros (os meus favoritos de toda a pastelaria), gosto de cake design. E que tal, tentar adaptar as magníficas sugestões deste livro à realidade da minha cozinha? Criar os meus próprios sonhos de açúcar? Parece-me muito divertido e mal posso esperar para começar! Prometo mostrar aqui os resultados do meu (com toda a certeza, árduo) esforço... Uma ajudante parece que já arranjei (a simpática cozinheira foi confeccionada pelo http://fantasilab.blogspot.pt/ com a receita da Natália Rodrigues).

domingo, 20 de maio de 2012

Hoje acordei gorda

"Você tem fome de quê?"

Autora: Stella Florence
Editora: Rocco-Temas e Debates
Ano: 1999

Sinopse:
Ao contrário do que se possa supor, nem todas as personagens deste livro são gordas: umas não são, mas sentem-se; outras não se sentem, mas são; umas emagrecem, outras engordam; umas têm os apetites trocados, outras sabem exactamente quais são; umas acusam o marido, outras o endocrinologista; umas resistem, outras rendem-se; umas tomam laxantes, outras deitam-se no sofá do psicanalista; umas detestam-se, outras adoram-se. O que une todas as personagens que desfilam pelas páginas deste livro é, simplesmente, uma relação muito íntima com a comida.

Impressões:
É um bom livro para ler quando não se tem muito tempo para o fazer, já que cada capítulo corresponde a uma história diferente. Aborda, de uma forma (quase sempre) divertida, situações do quotidiano em que a comida está na origem dos problemas. 
Pelo sim , pelo não, é melhor deixar passar a "época do bikini" antes de ler este livro...ou não, tudo depende da sua relação com a comida e da sua auto-estima!

sábado, 19 de maio de 2012

Viagem sem Regresso (Losing Gemma)

"Duas amigas visitam a Índia e só uma regressa..."

Autor: Katy Gardner
Editora: Asa
Ano: 2004

Sinopse:
Cinco anos passaram sobre a morte de Gemma. Cinco anos de dúvidas e angústias, durante os quais a vida de Esther foi um inferno permanente. Quando as duas amigas decidiram fazer uma viagem juntas, nada faria prever que apenas uma delas regressaria. Esther era bela, sofisticada e destemida, Gemma o seu oposto. Ávidas de novas experiências, partem para a Índia  em busca de aventura. O que elas ignoravam era que estavam prestes a entrar num mundo onde as regras sociais que lhes eram familiares não se aplicavam e que o tão almejado afastamento do mundo ocidental era afinal uma porta aberta para o que de mais sombrio traziam dentro de si. E foi rápida e inesperadamente que o sentimento que as unia foi posto à prova, levando-as a confrontar-se com ressentimentos e segredos antigos. Numa tentativa de descobrir toda a verdade e de se libertar dos fantasmas que ainda a atormentam, Esther tenta agora dar um sentido à tragédia que vitimou a sua melhor amiga e mudou irreversivelmente a sua vida. Cinco anos passados sobre a morte de Gemma, Esther está de volta à Índia...

Impressões:
Um livro a não perder!!! Prende o leitor desde o inicio e tem um desenlace surpreendente. Recomendo vivamente. Daria um bom argumento cinematográfico.

domingo, 13 de maio de 2012

As Serviçais (The Help)


"Uma história inesquecível repleta de melancolia, humor e esperança"

Autor: Kathryn Stockett
Editora: Saída de Emergência
Ano: 2010

Sinopse:
É a história de 3 mulheres: Skeeter, Aibileen e Minny. As suas vidas vão-se cruzar e iniciar um projecto clandestino, que as vai colocar a todas em perigo. Estamos no ano de 1962 em pleno Mississipi. Skeeter tem 22 anos e acaba de regressar da universidade e a sua mãe só a deixará em paz quando a vir com uma aliança no dedo. Quando chega descobre que Constantine, a empregada negra que a criou, se foi embora e ninguém lhe diz para onde.Aibeleen é uma empregada negra que criou 17 crianças brancas. Mas desde que o seu filho morreu, algo mudou dentro de si. Possui um grande coração e uma história ainda maior para contar. Minny, a melhor amiga de Aibeleen, é a mulher com a língua mais afiada do Mississipi. Cozinha divinamente, mas tem sérias dificuldades em manter o emprego... até ao momento em que encontra uma nova e insólita patroa. O que têm em comum? Estão a sufocar com as barreiras que definem a sua cidade, o seu tempo e as suas vidas.

Impressões: 
Adorei este livro! A luta das "serviçais", verdadeiras guerreiras, faz com que sintamos que somos pessoas com muita sorte.     Leva-nos também a refletir sobre o exercício do poder. Apesar de tudo, as "patroas" tinham poder de decisão no que concerne ao tratamento que davam às suas "serviçais". É uma boa leitura para uma tarde chuvosa...recomenda-se que seja acompanhada de um chá bem quente e de um pedaço de tarte de morangos com chocolate (ver a receita em http://www.fantasilab.blogspot.pt/)

sábado, 12 de maio de 2012

Como começou a doidice por livros?

Antes de mais.. quero dizer que todos aqueles que gostam e respeitam os livros, são bem vindos a este cantinho virtual.

É com muito gosto que espero contribuir para tornar este espaço mais rico e acolhedor.
Por diversas vezes tentei fazer uma base, com a relação dos  livros da doida por livros (em acess e excel) mas,  por vicissitudes informáticas, nunca fui bem sucedida...
Como sou muito teimosa, aqui estou eu.. desta vez, conto fazer backup de backup de backup lol.

Bem... e como começou esta doidice toda por livros?

Teremos de recuar no tempo.... ei.... não é preciso tanto assim,
onde vão? Mais para a frente um pouco... ok... aí está bem.

Há alguns anos atrás (não digo quantos, não digo não), ainda no tempo do escudo, havia uma menina que ao invés de gastar os tostões que os adultos lhe davam, em doces e pastilhas, os juntava religiosamente, com o intuito de ir à lojinha do bairro trocar as suas parcas economias por LIVROS! Foi aqui que comprou diversos exemplares de histórias como
 Os Cinco, As gémeas do Colégio de Santa Clara ou Os Sete. Cada um, com o sentimento de algo que se deseja muito e requer algum tipo de esforço e empreendimento para o obter. Mais tarde, com a descoberta das bibliotecas públicas, ajudou a estrear e a desempacotar diversos livros, ávidos de serem lidos e de sairem de prateleiras cheias de pó :)) Esta doidice pelos livros não parou mais até aos dias de hoje, como vão poder comprovar.
Por isso, se também és um doido(a) por livros, aparece!
Boas Leituras :)) 

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Cantinho de leitura

Este é um dos meus "cantinhos" de leitura favoritos. No inverno, adoro sentar-me neste velho sofá amarelo (já está a perder a cor e a ficar todo manchado), enrolar-me numa manta bem quentinha e saborear um bom livro!
A arrumação dos books é um problema porque a minha casa é trés petite. Assim, enquanto não disponho de fundos para alterar esta situação (que, a julgar pela bruxa crisis, é para sempre), vou aproveitando todos os espacinhos para acomodar os meus queridos amigos.

Nestas duas fotos, podem ver alguns trabalhos de artesanato executados pelo Fantasilab (sou colaboradora deste blog e conto também com a sua participação no Doidaporlivros).
A máquina de escrever da foto tem perto de cinquenta anos e já pertenceu ao meu avô e à minha mãe. Executei muitos trabalhinhos da escola e até da Faculdade nesta máquina.